Matosinhos e Leixões em 13 imagens da década de 50

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Em 1833, quando se procedeu à reorganização administrativa de Portugal, foi criado o Concelho de Bouças, tendo sido a sede do concelho fixada, a partir de 1836, no lugar da Senhora da Hora que então foi elevada à categoria de Vila de Bouças. Ali se manteve a sede do concelho até que, em 1853 se criou a vila de Matosinhos, abrangendo as freguesias de Matosinhos e Leça da Palmeira, passando esta a ser a sede do concelho. Com esta reorganização administrativa o concelho de Bouças passou a incorporar as freguesias de Lavra e Perafita, que anteriormente pertenciam à Maia e ainda as freguesias de Leça do Balio, Custóias e S. Mamede de Infesta que tinham pertencido, até 1834, ao antigo Couto de Leça.

Em 1895, quando se construiu a Estrada da Circunvalação, as freguesias de Aldoar, Ramalde e Nevogilde foram desanexadas e integradas no concelho do Porto. Em 1909 a Câmara Municipal solicitou a mudança de nome para Concelho de Matosinhos, uma vez que entendiam que o lugar de Bouças era insignificante, solicitação que se concretizou por um decreto de 6 de Maio de 1909.

A necessidade de um porto de abrigo para os navios que se dirigiam à cidade do Porto levou à construção, em finais do séc. XIX, do Porto de Leixões. Era o início de um processo de transformação nítido em todo o desenvolvimento urbanístico e industrial da cidade de Matosinhos, onde a pesca da sardinha e a indústria conserveira foram o principal motor de desenvolvimento que levou a que, em 28 de Maio de 1984, Matosinhos fosse elevado a cidade.

Pela década de 50, construía-se a 5ª ponte que juntava Matosinhos a Leça da Palmeira, bem depois da Ponte de Pau e da Ponte dos 19 Arcos

Deixamos-te um conjunto de imagens de Matosinhos e Leça dos anos 50.

Leça da Palmeira-Matosinhos – Ponte Grande, via Flickr
Matosinhos visto de Leça com a ponte do elétrico, antes de 1957, via Flickr
Porto de Leixões – Doca n.º 1 – anos 50, via Flickr
Rua de Brito Capelo, Matosinhos – 1952, via Flickr
Mercado de Matosinhos, em 1952, via Flickr
Rio Leça e arruamento que ligava as margens antes da construção da doca 2 do porto de Leixões, via Flickr
PONTE MÓVEL em construção – Matosinhos, 1956-60, via Flickr
Ponte Móvel – fins de 50, via Flickr
Construção da Ponte Móvel,1956-60, via Flickr
Ponte móvel – Batelões de dragados na doca nº 1, com a n.º 2 em construção, via Flickr
Ponte Móvel em construção, via Flickr
Saída da Ponte Móvel junto ao Mercado de Matosinhos – Foto tirada do início da R. Álvaro Castelões, via Flickr
Ponte Móvel e o posto de Combustível da SACOR, via Flickr
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Blog

Últimas novidades no Porto

Vila Nova de Gaia é o concelho do país com mais praias “Qualidade de Ouro”

O Cinema está de volta ao Parque Nascente

Escadas Rolantes de Miragaia já estão a funcionar

CM Porto tem 4 atividades gratuitas e ao ar livre para crianças em Julho

Mercadona vai abrir nova loja no Distrito do Porto

Porto sem Autocarros? Trabalhadores da STCP entram em greve

A música está de volta ao Coliseu Porto Ageas e com acesso gratuito

A Ópera está de volta ao Coliseu

Vigilância das praias de Matosinhos já começou

Avenida da Boavista tem um novo cruzamento

ponte-d-luis-webook