3 meses atrás

10 sítios no Porto que convidam a um Piquenique

O Porto é uma cidade onde não faltam coisas para fazer. Ainda assim, os seus espaços verdes nem sempre fazem parte da rota habitual de nós próprios ou de quem nos visita.

Esta é uma lista dos nossos locais preferidos no Porto que convidam a um piquenique.

Vamos?

Parque da Cidade


Boavista



Começamos pelo mais óbvio: O Parque da Cidade é o pulmão do Porto e, com uma área de mais de 80 hectares, o maior porque urbano do país.

É um espaço perfeito para o teu piquenique. O parque está cheio de recantos e detalhes e os seus grandes relvados são perfeitos para estender a toalha e passar a tarde com a família ou amigos.

O Pavilhão da Água, que vem da Expo98, foi transferido para aqui e, num dos lagos, vive uma grande comunidade de patos que fazem as delícias dos mais pequenos!

Morada: Avenida da Boavista 21, ou Estrada Interior da Circunvalação 15443, Porto

Jardins do Palácio de Cristal


Massarelos


Os Jardins do Palácio de Cristal foram idealizados por Émille David, no século XIX. Hoje em dia, muitos dos traços dos Jardins ainda correspondem ao "desenho" do Francês.

Os Jardins estão divididos em áreas da flora: Jardim das Plantas Aromáticas, Jardim das Medicinais, Jardim do Roseiral, entre outros. Tanto o Parque como os Jardins abrem às 8h e a entrada é livre.

Morada: Rua D. Manuel II, 140, Porto

Parque de Serralves


Lordelo do Ouro


Os Jardins de Serralves  envolvem o Museu de Arte Contemporânea, onde está instalada a Fundação de Serralves. Ao longo dos Jardins podemos encontrar obras de arte de vários artistas contemporâneos.

A visita aos 18 hectares dos Jardins é gratuita apenas aos domingos de manhã. As portas abrem sempre às 10h e encerram às 19h (sábado e domingo até às 20h).

Morada: Rua Dom João de Castro, 210, Porto

Jardim do Morro


Serra do Pilar



O Jardim do Morro fica na Serra do Pilar, junto ao tabuleiro superior da Ponte D. Luís, e tem uma vista privilegiada e panorâmica para o rio Douro e para a zona histórica do Porto.

Há ainda um lago, um coreto e uma grande variedade de espécies vegetais onde se destaca uma variedade imensa de tílias.

Morada: Avenida da República (junto à Ponte D. Luís), Vila Nova de Gaia

Jardim do Carregal


Miragaia


O Jardim do Carregal também é conhecido como o Jardim de Carrilho Videira, em homenagem ao activista do movimento republicano dos finais do século XIX. Outrora também tinha o nome Jardim do Duque de Beja.

Foi construído em 1897 pelo jardineiro paisagista Jerónimo Monteiro da Costa. No Jardim encontramos uma estátua do professor Abel Salazar da autoria do escultor Hélder Carvalho, feita em 2009.

Morada: Jardim do Carregal, Miragaia, Porto

Jardim de São Lázaro


Bonfim


Um dos mais bonitos jardins do Porto e também um dos segredos mais bem guardados, pois nem toda a gente sabe que pode ser visitado.

Inicialmente este espaço passou por ser um horto (Companhia Hortícola Portuense) e foi só depois de 1965, aquando da aquisição pela Câmara Municipal do porto, que se começaram as obras de recuperação e transformação.

É área muito bem arranjada e carregada de história, mas a sua principal característica distintiva é que se trata de um jardim vertical, onde é possível admirar de cada socalco uma vista diferente sob a cidade e o Rio Douro.

Morada: Calçada das Virtudes, Porto

Jardim Soares dos Reis


Mafamude


O Jardim deve o seu nome a António Soares dos Reis, um famoso escultor do século XIX. Este nasceu em Vila Nova de Gaia e aqui podemos encontrar uma estátua em sua homenagem.

A sua lindíssima escadaria embeleza ainda mais este local verde.

Morada: Largo Soares dos Reis, 4430 Vila Nova de Gaia

Jardim Botânico do Porto


Lordelo do Ouro


O Jardim Botânico do Porto é um dos mais históricos da cidade. O espaço foi adquirido por João Henrique Andresen em 1895, que o transformou num belo Jardim.

Este Jardim tem mais de 4 hectares e está aberto nos dias úteis, das 9h às 18h, e aos fins de semana, das 10h às 18h. A entrada é livre!

Morada: Rua do Campo Alegre 1191, Porto

Jardim Municipal do Horto das Virtudes


Virtudes



Um dos mais bonitos jardins do Porto e também um dos segredos mais bem guardados, pois nem toda a gente sabe que pode ser visitado.

Inicialmente este espaço passou por ser um horto (Companhia Hortícola Portuense) e foi só depois de 1965, aquando da aquisição pela Câmara Municipal do porto, que se começaram as obras de recuperação e transformação.

É área muito bem arranjada e carregada de história, mas a sua principal característica distintiva é que se trata de um jardim vertical, onde é possível admirar de cada socalco uma vista diferente sob a cidade e o Rio Douro.

Morada: Calçada das Virtudes, Porto

Jardim do Passeio Alegre


Foz



A tranquilidade na Foz, um minigolfe, um pequeno chalet de 1847, chafarizes e jardins relvados.

O Jardim do Passeio Alegre foi construído nos finais do século XIX e tem mais de 4 hectares. Há ainda um coreto, lagos e esculturas.

As casas de banho públicas ficam num edifício construído em 1910, decorado com azulejos Arte Nova e loiças inglesas.

Morada: Rua do Passeio Alegre 828, Porto
Deixe o seu comentário

Registe-se para comentar!

Precisa de estar registado para poder fazer comentários. Faça login ou registe-se gratuitamente, no webook® Porto. Se preferir, pode usar a sua rede social para fazer o login.

Anúncio